• 400g de palmito pupunha cortado em fios (você pode comprar pronto ou ralar em casa com um mandolin, que nada mais é do que um ralador de legumes)
  • 200g de bacon cortado em cubos
  • 3 dentes de alho
  • 3/4 de xícara de vinho branco
  • 2 xícaras de chá de creme de leite
  • 3 gemas
  • Um punhado de parmesão ralado grosso/ralado na hora
  • pimenta do reino
  • sal

Esse prato uma amiga minha me sugeriu dizendo que era suuuuper bom. Eu na verdade nunca tinha comido em nenhum restaurante, então não sei se ficou igual ao que ela esperava – até porque acho que o que ela tinha sugerido levava presunto de parma. Mas, de fato, posso dizer que mesmo com bacon ficou delicioso!

Achei super curioso esse jeito de comer palmito: em formato de espaguete! Tinha tudo para ser super light, não fosse o molho que resolvi fazer, com ovos e bacon!
Mas você pode adptar para algo mais light, porque não? Fiquei imaginando que com atum essa pupunha em fios ficaria fantástica também – vou tentar qualquer dia!

Depois de me livrar de ralar a pupunha, já que encontrei no mercado os fios já prontos (um achado!), fui procurar uma boa receita de molho carbonara. Descobri que o original, italiano mesmo, não leva creme de leite! Nem ligo! Acho que a adaptação mais moderna veio bem a calhar. Acabei fazendo uma mistura dessa receita com esta. No final deu tudo muito certo! :)

Modo de Preparo – ESPAGUETE DE PUPUNHA

Em uma panela grande, coloque água para ferver com 1 colher de sopa de sal. Esta água será para cozinhar a pupunha, como se fosse um macarrão mesmo!

Enquanto a água vai esquentando, frite os pedaços de bacon em um pouco de azeite com 3 dentes de alho inteiros. O alho é só para aromatizar; retire depois. Depois de frito, separe um pouco da gordura da frigideira. Jogue o vinho no bacon e deixe ferver um pouco; desligue o fogo e reserve.

Em uma tigela, misture bem o creme de leite com o parmesão, as gemas, a pimenta do reino e a gordurinha da frigideira (nada light mesmo… snif!).

Cozinhe os fios de pupunha na água fervente por uns 5-7 minutos. Eu não deixei molenga, porque gostei deles mais crocantinhos.

Logo depois de cozido, retire a água e misture imediatamente com todo o resto. Aqueça só um pouquinho em fogo baixo para não ficar frio – a ideia é não cozinhar muito mesmo!!! Se precisar adicione sal.

Sirva e delicie-se!

Eu não coloquei crocantinhos de parma por cima, mas deve ficar bem bom! Quem sabe na próxima vez! Vejam as referências de onde peguei a receita (AQUI) que irão entender!

Espero que tenham gostado! Achei bem diferente e delicioso! NHAMI! :)